16/05 10:45

Escolas Sustentáveis – Inscrições abertas em Paulínia e região

Por institutoestre


O Instituto Estre abre as inscrições para a seleção de 10 escolas situadas na região de Paulínia (região metropolitana de Campinas) para o programa Escolas Sustentáveis, visando contribuir para a sua caminhada de reflexão e ação.

Para participar, basta realizar a inscrição da escola por meio do formulário (link:), disponível também no site do Instituto, até o dia 2 de agosto. No ato da inscrição, também são definidos os quatro participantes que representarão a instituição nas Oficinas de Cocriação (encontros dos representantes previamente definidos no cadastro, que contam com mediação da equipe do Instituto Estre).

A premissa das oficinas, realizadas no Centro de Educação Ambiental de Paulínia, é despertar a coletividade: uma escola aprende com a outra, uma pessoa aprende com a outra, e tudo isso pode ser muito divertido, criando um espaço de diálogo, troca de saberes e organização coletiva.
No segundo semestre, serão realizadas quatro oficinas de cocriação, no período da manhã (7h30 às 11h30), nas seguintes datas: 10/08, 13/09, 17/10 e 14/11.

Inscreva sua escola ou indique para alguém!

LINK PARA INSCRIÇÃO
https://goo.gl/PmMAE1

Sobre o Programa Escolas Sustentáveis

O programa Escolas Sustentáveis é uma caminhada de reflexão e ação coletiva proposta pelo Instituto Estre, e tem como objetivo aproximar-se das escolas e contribuir para tornarem-se espaços educadores sustentáveis, buscando incorporar ideias da educação ambiental crítica em todos os poros da unidade escolar.

Participam do projeto gestores e gestoras, coordenadores e coordenadoras, professores e professoras, alunos e alunas, familiares e demais pessoas envolvidas nas comunidades escolares envolvidas com o processo.

A proposta é se somar às outras iniciativas já existentes no espaço e fomentar um modelo de educação ambiental que não se resuma a ações isoladas, com um convite para refletir sobre espaços específicos como edificações (adequação da estrutura física), gestão (criando mecanismos que promovam transformações positivas), currículo (trazendo vivências reais ao currículo oficial) e cidadania (reflexão sobre a participação das pessoas na vida da escola e respeito à diversidade e alteridade).

O Instituto Estre tem grande expertise no assunto, desenvolvendo o programa desde 2011 junto às escolas e às Secretarias da Educação, tendo apoiado os processos de três cidades distintas: Piracicaba (SP); Curitiba (PR) e Rosário do Catete (SE). Também foi publicado um livro de mesmo nome (Escolas Sustentáveis) em 2015, contemplando aspectos teóricos, metodológicos e práticos, além de estar disponível nas livrarias e de ser distribuído aos representantes das escolas participantes das Oficinas de Cocriação.
Educadores ambientais do Instituto fazem visitas às escolas para a ampliação do espaço de diálogo, e, ainda, oferecem um certificado para as pessoas que se engajam no processo, diversos canais de comunicação para dúvidas, e apoio logístico que facilita o acesso às Oficinas de Cocriação .

O Instituto Estre oficialmente abre suas portas para iniciar mais um processo com as escolas do entorno ao seu Centro de Educação Ambiental em Paulínia, e estamos muito felizes em poder ampliar a nossa atuação promovendo a abertura de diálogos.

 

Espaço Educador Sustentável. O que é?

Acreditamos que cada unidade escolar tem que refletir e criar para si própria a noção do que é ser um espaço educador sustentável, entendendo a escola como um espaço criador de conhecimento, e não só reprodutor. Para tanto, é importante ouvirmos as pessoas que já se fizeram a mesma pergunta.

Uma das definições que gostamos muito foi extraída do documento do Ministério da Educação Formando Com-Vida, Comissão de Meio-Ambiente e Qualidade de Vida na Escola: Construindo a Agenda 21 na Escola, que diz que “[espaço educador sustentável] é um espaço onde as pessoas estabelecem relações de cuidado uns com os outros, com a natureza e com o ambiente. Esse espaço cuida e educa para a sustentabilidade de forma deliberada e intencional, mantendo coerência entre o discurso, os conteúdos, as práticas e as posturas. Além disso, assume a responsabilidade pelos impactos que gera e busca compensá-los com tecnologias apropriadas. Ele nos ajuda a aprender, a pensar e a agir para construir o presente e o futuro com criatividade, inclusão, liberdade e respeito às diferenças, aos direitos humanos e ao meio ambiente. Educa por si mesmo e torna-se referência de sustentabilidade para toda a comunidade. A escola sustentável que têm essas características estabelece relação entre o currículo, a gestão e o espaço físico”.

PARA SE INSCREVER

1 – Quem pode se inscrever no programa?
O Escolas Sustentáveis do Instituto Estre é destinado a espaços de educação formal. O recorte proposto é de escolas de educação básica e/ou de ensino técnico. Podendo ser pública ou privada, independente da faixa etária do público que atende.

2 – Quem pode participar das oficinas?
A meta do Escolas Sustentáveis é envolver toda a comunidade escolar. Sendo livre a participação de qualquer pessoa interessada em envolver-se no processo de reflexão e ação que direcione a escola a tornar-se um espaço educador sustentável. Quanto mais diversificado o grupo de representantes, maiores as chances de articulação no interior da escola; podendo existir pessoas (1) da equipe de gestão escolar; (2) da coordenação pedagógica; (3) docentes; (4) discentes; (5) da equipe administrativa; (6) da equipe de suporte e manutenção do espaço; (7) familiares dos alunos e alunas; (8) da comunidade do entorno envolvida ativamente com a escola.

3 –Quais são as responsabilidades?
Ao se inscrever no Escolas Sustentáveis, a escola têm que:

(a) Saber que é um processo de construção coletiva e que o compromisso com o processo é de toda a escola;
(b) Os quatro representantes da escola têm o desafio e a responsabilidade de compartilhar com o grupo mais amplo o que for vivido nas Oficinas de Cocriação;
(c) O Instituto Estre entende-se como facilitador, mediando o espaço de diálogo (oficinas de cocriação), oferecendo material didático (livro Escolas Sustentáveis) e diferentes formas de apoio. O Instituto também oferece um certificado de participação aos/às participantes das Oficinas de Cocriação.

4 – Quem é selecionado? No ano de 2017, 10 escolas serão selecionadas a iniciarem a caminhada no segundo semestre. Devem se inscrever no site do Instituto Estre (através do link https://goo.gl/PmMAE1) até o dia 2 de agosto deste ano. Os critérios de seleção serão:

(a) Territorialidade: distância até o Centro de Educação Ambiental do Instituto Estre em Paulínia. As escolas mais próximas terão prioridade de inscrição;
(b) Garantia da multiplicidade de vozes: escolas que inscrevam seus quatro representantes, levando em consideração a diversidade e a representatividade destes terão prioridade (ex.: a escola que inscrever três docentes e alguém da gestão será preterida se comparada com outra que inscreveu um/a gestor/a, um/a professor/a, um/a aluno e pessoa da comunidade). OBS.: A inscrição de alunos e alunas é possível e desejável, desde que tenham mais de 12 anos completos, com permissão formal dos pais e que sejam acompanhados sob responsabilidade da equipe da escola participante.

5 – Resultados
A divulgação das 10 escolas participantes acontece no dia 4 de agosto, no site do Instituto Estre. Fiquem atentos e atentas, pois no dia 10 do mesmo mês acontecerá a primeira oficina de cocriação.

LINK PARA INSCRIÇÃO – https://goo.gl/PmMAE1